Usamos cookies para personalizar e melhorar a sua experiência.
Para saber mais, consulte a nossa Política de cookies.

Fechar
Escolas

Como comemorar a Semana Nacional do Meio Ambiente na escola?

Sugestões de atividades simples e importantes para realizar na sua instituição de ensino e comemorar essa data que visa a preservação da natureza

Há mais de 40 anos, a conversação da natureza já era uma pauta que ganhava destaque no Brasil. Tanto é que em 1981, por meio de um decreto, foi instituída a Semana Nacional do Meio Ambiente.

Realizada neste ano de 2022 entre os dias 31 de maio e 5 de junho, a iniciativa visa conscientizar a população sobre a importância de todos atuarem de maneira responsável em prol da preservação do meio ambiente.

E as escolas têm um papel de bastante relevância para impulsionar ainda mais essa discussão, ainda mais dentro das salas de aula onde formam futuros cidadãos. Afinal, é a partir da educação que os alunos, as famílias e os colaboradores das instituições podem compreender melhor o quanto cada indivíduo é responsável pelo planeta Terra.

Que tal aproveitar essa data e realizar atividades simples, mas de grande impacto, para comemorar a Semana Nacional do Meio Ambiente na sua escola?

 

Dicas para celebrar a Semana Nacional do Meio Ambiente na escola

Confira as sugestões que separamos para os diretores, gestores e coordenadores poderem planejar a comemoração da data na instituição de ensino e, ainda, possibilitar uma maior conscientização em toda a comunidade escolar.

1 – Reduzir a quantidade de lixo

Dados do Panorama dos Resíduos Sólidos no Brasil 2020 mostram que cada brasileiro produz, em média, 379,2 kg de lixo anualmente. Isso significa mais de 1 kg de lixo produzido por cada pessoa em apenas um único dia. É muita coisa, não é mesmo?

Um bom começo para despertar a importância de preservar o meio ambiente pode ser levar essas informações para as salas de aula e convidar os estudantes a pensarem quais ações eles podem propor para reduzir a quantidade de lixo da escola.

Levar uma garrafinha de água individual pode ser uma boa alternativa para eliminar os copos descartáveis.

Implantar ações de reciclagem, distribuindo lixeiras de coleta seletiva, é uma maneira de mostrar a importância do descarte adequado.

A educadora Débora Garofalo, eleita uma das dez melhores professoras do mundo, também pode ser fonte de inspiração. Ela e seus alunos retiraram mais de uma tonelada de lixo das ruas da capital paulista para o desenvolvimento do projeto “Robótica com Sucata”, que foi reconhecido internacionalmente.

Além de contribuir para a redução do lixo, é uma oportunidade para aplicar a cultura maker na escola.

2 – Amplie a discussão com as famílias    

Incentive os alunos a levarem para casa a importância de realizar o descarte correto dos resíduos domésticos.

Os estudantes podem envolver as famílias no processo da reciclagem, separando plásticos, papéis e vidros do lixo orgânico, por exemplo.

Outra iniciativa muito interessante é a escola comunicar os responsáveis sobre o quanto pilhas, baterias e óleo são nocivos ao meio ambiente e que precisam de uma destinação correta.

Verifique os pontos de coleta desse tipo de material que existem no município, ou próximos da instituição de ensino, e informe as famílias sobre os locais em que é possível descartar corretamente!

3 – Troque o jogar fora pelo doar     

Todo mundo tem no guarda-roupa uma blusa que já não usa mais ou uma coberta guardada há anos, não é mesmo?

Brinquedos que estão acumulando poeira, objetos sem serventia e eletrônicos parados também entram na lista de itens que ficam ali pela casa, apenas ocupando espaço.

Ao invés de jogar fora, é possível doar! Certamente aquilo que já não é interessante para uma pessoa, pode ser muito útil para outra!

A escola pode ser um espaço ideal para incentivar essa ação, envolvendo alunos, famílias e colaboradores.

Vale pensar com carinho na possibilidade de promover uma feira de troca, onde uma pessoa doa um item e, em troca, pode escolher outro para levar para casa.

Algumas instituições de ensino já realizam anualmente um evento para a troca de uniformes entre as famílias, incentivando o consumo consciente.

Outra iniciativa interessante é promover uma feira de troca de brinquedos, com a intenção de levar os adultos e os alunos a refletirem sobre o consumismo.

O Instituto Alana é referência nesse assunto e disponibiliza muita informação legal no seu site.

4 – Passeios escolares

Passeios escolares costumam agradar, e muito, os estudantes! Eles ficam empolgados por saírem da rotina e é uma oportunidade muito rica para impulsionar o aprendizado de uma maneira mais divertida e descontraída.

Tem alguma pracinha ou parque municipal próximo da escola? Que tal levar os alunos para conhecer esse espaço e recolher todo o lixo que encontrarem pelo caminho?

Existe uma proposta on-line que é bem interessante também: o Movimento Pé no Parque. O projeto audiovisual aborda a valorização dos parques nacionais brasileiros, visando engajar a população sobre a importância dessas áreas para a qualidade de vida e para o desenvolvimento do país.

Semana Nacional do Meio Ambiente x Dia Mundial do Meio Ambiente

A Semana Nacional do Meio Ambiente surgiu em 1981, a partir de um decreto, com o objetivo de conscientizar a população brasileira sobre a necessidade de se preservar o meio ambiente.

Já o Dia Mundial do Meio Ambiente é comemorado no dia 5 de junho. A data foi estabelecida pela ONU – Organização das Nações Unidas, em 1972, durante a Conferência de Estocolmo, na Suécia.

O objetivo principal foi mostrar para a sociedade mundial a necessidade de todas as pessoas se atentarem para a importância da conservação dos recursos naturais.

Em 2022, completa-se 50 anos em que foi instituído o Dia Mundial do Meio Ambiente. Já são cinco décadas em que as organizações e especialistas da área pedem por mudanças para diminuir os impactos negativos da civilização na natureza.

Há quem faça previsões que se continuar o consumo exagerado de recursos naturais e se permanecer a perda constante e acelerada da biodiversidade, a sobrevida na terra pode estar comprometida.

Por isso, na tentativa de despertar uma maior conscientização coletiva, comemorar a Semana Nacional do Meio Ambiente na escola pode ser fundamental para despertar nas crianças e adolescentes a responsabilidade individual da preservação ambiental, garantindo um futuro para todos.

Mensalidades em dia, o ano todo, sem dor de cabeça
Quero o isaac na minha escola
Luiza

Receba nossa newsletter

Obrigado! Seu e-mail foi cadastrado com sucesso!
Ops! Algum erro ocorreu ao cadastrar o seu e-mail.